domingo, 13 de dezembro de 2015

Algumas verdades sobre amor

Quando a gente ama, entendemos que em algum momento precisamos ceder. A gente escolhe não ficar toda hora batendo de frente, decide se quer um relacionamento saudável e duradouro ou fadado ao fim devido as constantes chatices impostas por brigas sem futuro.
Num relacionamento a gente passa a entender muitos significados. Amor não é um sentimento, amor são atitudes. Um amor só é provado com atitudes. Respeito, compreensão, fidelidade e amizade. Essas são algumas atitudes que provam se você ama realmente uma pessoa. Amor não é aquela coisa que se encaixa facilmente, o nome disso é LEGO. Pra encaixar direitinho, ambos precisam querer e mesmo que sejam peças totalmente opostas, com jeito a gente consegue encaixar.
Amor é escolha. Ainda que existam inúmeras opções você escolhe aquela, todos os dias. E ela não fica feia, as vezes você a odeia, mas passa em questão de segundos. As vezes ela te causa sofrimento, mas mesmo assim é aquela escolha que te faz o bem maior. E você fica. Não desiste.
Amor é sexo, são dois corpos ocupando o mesmo lugar naquele espaço. É beijo, abraço e amasso. É mais que isso. Amor é aquilo que fica quando já não existe beleza física, quando o sexo não é lá essas coisas ou quando ele nem é mais. Amar é ter a pessoa como o primeiro e último pensamento de um dia. É querer correr pra ela quando tudo desmorona. O amor não sobrevive a teorias. O amor cresce na pratica.